Veja o seu negócio próprio como um “todo”

Quem está de fora do jogo de tabuleiro enxerga todo o jogo. Da mesma maneira devemos olhar para o nosso empreendimento como em um jogo de tabuleiro. Olhe para o seu Negócio Próprio com um “TODO” com uma visão ampla.

Quando começamos um negócio próprio estamos empreendendo. Não sabemos se vai dar resultado positivo ou negativo. Sabemos que vamos fazer.

Tem um jeito para amenizar o prejuízo e sem ter que refazer todo o trabalho. 

Comece com uma estratégia interna. Olhe para dentro de você mesmo, que o externo responderá.

As pessoas vão reagir

O que precisamos trabalhar é o “ego”. Quando levamos para o lado pessoal os comentários contra ou nos melindramos com os elogios, temos um problema interno nosso a ser resolvido.

ideias e posts com icones mundo dos negocios
Nosso negócio próprio começa com um simples pensamento!

Somos nosso maior inimigo

Mais de 90% daquilo que pensamos pode ser jogado fora. Augusto Cury costuma dizer que nós, seres humanos, temos em média oitenta mil pensamentos por dia.

Vamos parar pra pensar (pareprapensar.com). Imagina uma avalanche de 80.000 flechas chovendo em sua direção. Agora como você vai desviar disso tudo?
— Assim são os nossos pensamentos. 

Não tem como você ficar desviando de cada flecha, tampouco de cada pensamento. Também não dá para seguir cada pensamento para ver qual será o resultado. Você vai criar novos pensamentos e nunca termina.

Eckhart Tolle costuma dizer que nossa mente é como um cachorro vira-lata. Está sempre cheirando. Quando aparece um cheiro novo o cão vai seguindo aquele cheiro. Quando vê um hidrante, uma esquina, um poste, o cachorro muda seu faro para aquele novo objeto. Essa é nossa mente: “um vira-latas”.

Como silenciar? Não dê sequência. Pergunte mentalmente: “— próximo”?

Se o pensamento for negativo, contra outra pessoa, contra outro animal, pense mentalmente: cancela, cancela, cancela. Se disser com intensidade, basta dizer uma única vez: “CANCELADO”. Esta dica é do Professor Hélio Couto. E é excelente para o nosso dia a dia. Crie este hábito. Nosso cérebro é bom nisso: “uma coisa = outra coisa”.

Efeito gatilho

Quando pensamos em algo, fatalmente somos levados a pensar em outra coisa. Nossa vó sempre mandava amarrar uma fita nos dedos. 

A dica da fita só funciona se você repetir mentalmente para o quê é aquela fita. Você precisa visualizar quando está desatando o nó da fita. Pensar em o que você deve fazer em seguida. 

Assim começa um bom hábito. 

Uma coisa leva outra

Utiliza este exercício que é um  hack mental, para se dar bem.

  1. Quando pensar alguma coisa negativa diga mentalmente:
    Cancelado, cancelado, cancelado. Basta uma única vez se for feito com vontade e convicção.
  2. Quando vier um pensamento qualquer diga mentalmente: “próximo”.
  3. Outro pensamento veio? Faça assim: por quê? vem a resposta, pergunte novamente: por quê? — Faça sucessivamente até obter uma resposta. Costuma não aparecer mais nenhum pensamento! 

No exercício acima é comum criar uma lacuna de milissegundos, que você pode penetrar e se dar bem com novos pensamentos. Novo Mindset. O novo você.

Conselho 

Leia Eckhart Tolle (eckharttolle.com) em “o Poder do Agora” e quantos livros puder, conseguir ler e estudar.

Recomendo dois brasileiros como referência na criação de um novo mindset: 

  1. Augusto Cury (augustocury.com.br) – bem leve, didático com filmes e muito mais. 
  2. Hélio Couto (heliocouto.com) – do princípio ao seu novo “Eu” (Self), com mecânica quântica para leigos. A Ressonância Harmônica é “divina” e te eleva a um próximo paradigma.
Rolar para cima